sábado, 2 de abril de 2016

Infância

Imaginávamos sem limites
Nada era impossível
Fazíamos sete pintado de emoção
Amávamos correr e brincar
Nada era melhor que voar
Crianças não tem barreiras para os sonhos
Inspiram o agora
Amanhã se precisar desconsertam até a aurora.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário