quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Depois a gente faz isso...

Depois a gente faz isso...
Pensa em palavras bonitas,
De afeto e interioridade,
Enquanto a cidade nos consome,
E leva toda inspiração.

Depois a gente faz isso...
Escuta o melhor disco
da nossa coleção,
Da um abraço no amigo
E um beijo no irmão.

Depois a gente faz isso...
Pensa menos no trabalho,
E vai juntando os retalhos
da energia que nos resta.

Depois a gente faz isso..
Faz toda dia uma festa
Aproveita tudo que presta,
E comemora com poesia.

Manu Kelé!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Céu Nublado

Céu nublado,
Dia feliz,
O mundo é quem diz,
É bom chover.

O frio
Traz o calor
Do bem amado,
O Grilo fica acordado,
Cantando a poesia da noite.


As flores
Abrem o sorriso,
O sol fica escondido,
Esperando novo dia.

Linda chuva
Doce esperança,
Eu quero como uma criança,
Nos meus sentidos te aproveitar.

Manu Kelé

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Madrugadinha

Madrugadinha
Pingar de estrelas,
Rede armada
Frio de dormir.
Abrir o sono,
Sonhar voando,
Cores seguras
Eu te abraçando.
Caminho feliz,
Pássaro verde,
Flor de alegria,
O Cheiro me diz,
O amor está aqui!

Manu Kelé

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Cidade dos anjos

Cidade cinza,
Noite do desejo,
Poesia triste,
Lágrima de que resiste.

Velha e doce safra
De verso envelhecido,
Nascido da entranha,
Embebido no sentido.

Cidade dos anjos
Liberdade repartida
Beijo que demora,
Alegria renascida.


Manu Kelé!

Alma aberta

Alma aberta,
Música suave,
Delicioso dom de amar.
O mar do teu carinho
É bom de navegar.

Me perco nos teus braços,
Me encontro nos teus beijos
Na Geografia dos traços
Mergulho o meu desejo.


Teu olhar espelho da alma,
Cor de inspiração
O som da tua calma,
Faz vibrar meu coração.

Manu Kelé!