sábado, 26 de novembro de 2011

Flor

Flor da pele,
Poesia do teu cheiro,
Corpo inteiro,
Sentidos mil.

Flor da pele,
Silencio das cores,
Lindas flores,
Mar do desejo.

Flor da pele,
Espelho da beleza,
Rio da certeza,
lágrimas de alegria.

Flor da pele,
Lua radiante,
Noite dos amantes,
Lindo som no ar...

Manu Kelé!

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Sentido

Sentido inexplicável
Rosto molhado,
Poema moção.
Coração bombando
Mil desejos,
O teu olhar molhado de azul
E num sonho acordado sinto o céu em mim,
Enquanto um cupido canta suave
As vantagens do amor!

Manu Kelé!

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Poesia molhada

Beijo do mar,
Poesia azul,
Pensamento nu,
Vento, sal e sonho.

Dom do mar,
Poesia molhada,
Alegre, apaixonada,
Linda lépida, vida.

Corpo do mar,
Flor flutuante,
Sol estimulante,
Luz do teu olhar.

Sentido do mar,
Tempo infinito,
Dos sons o mais bonito,
Tua voz no ar...

sábado, 19 de novembro de 2011

Primeira estrela

Primeira estrela,
Sentidos no céu,
Cor de acordar a noite.
Teu cheiro,
Entre flores,
Odor mais completo,
Me sinto repleto de paz,
A Lua madura,
Sai pela rua,
Desfilando nua e suave poesia.

Manu Kelé!

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Viva o amor

Sonho...
Flutuar de flores,
Perfume saboroso,
Chuva colorida,
Iris brilhando,
Lágrima suave,
Alegria que rodopia,
Ciranda de estrelas
Dança o céu
Sorri a lua,
E na rua uma criança grita:
Viva o amor!
Manu Kelé

The end

O menino voa
Céus incertos,
Cores indefinidas,
Pensamentos abertos.

O menino Voa,
Ar insatisfeito,
Esperança no peito,
Verdade a transformar,

O menino pousa,
Novo horizonte,
Existe boa ponte,
The end capital.
Manu Kelé!

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Positive vibration

Voo entre as estrelas,
Nave vento a fora,
Tristeza não tem hora,
Meu reino é de alegria.

Brinco com a lua,
Danço a noite a rua,
Pulo no infinito.

Pinto sete cores,
Findo minhas dores,
Positive vibration astral.

Manu Kelé!

Natureza

Calor do sol na pele,
Poema que revele,
Natureza em mim,

Verde cheiro,
Sentido inteiro,
O som da vida em mim,

O coração no bem,
A alegria vem,
Você vivendo em mim.

Manu Kelé!

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Tempo

Tempo redondo,
Medida sem fim,
Poesia que acalma,
Cor da emoção,
Versos livres,
Positivo coração,
Tempo acordado,
Relógio guardado,
Horas psicológicas.
Tempo perdido,
Fim da tristeza,
Valor certeza ócio,
Morte capital,
E o astral,
Construído no bem comum.

Manu Kelé!

Wall

Palavras de ouvir,
Palavras de pensar,
Palavras de amar,
Palavras de esquentar,
Poema vermelho,
Flor inexistente,
E a gente sonhando,
Incêndio no verso,
Inverso do pensamento,
Individuo Wall!
Manu Kelé !

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Olhar das estrelas

As estrelas me olham,
Penetram na minha alma,
Viajam na minha luz,
E o que me conduz ,
É a certeza:
Os elementos do céu estão em mim,
Assim como em todos os seres humanos,
E caetaneando os sentidos digo:
"Gente é pra brilhar não pra morrer de fome" !

Manu Kelé!