sexta-feira, 29 de abril de 2016

Sete

Sete palavras
Sete versos
Loucura confessa
Pra que na vida ter pressa?
Nem dezembro nem março
Nem janeiro nem fevereiro
O tempo do poema é gostoso
Com um amor verdadeiro.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário