segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Janaína

Ai Janaína, mãe das águas
Que inspiração traz o teu mar
Nas cores de amar velejo
No vento do mar te vejo
Noites claras sem fim
Encantamento em mim
Emoção
Paixão
E viva a mãe das águas
A estrela guia do meu coração.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário