sábado, 28 de novembro de 2015

Somos sobretudo luz

Somos sobretudo luz
Delicadeza amor
O exterior nos induz
Ao um contrário sombrio

Precisamos resistir
Agir erguer o bem
Ser zen
Sobressaltando o mal

Nada é fácil
Somos fortes
Somos frágeis
Paradoxalmente humanos desumanizados

Fiquemos acordados
Melhorando nossos sentimentos
Se o alimento for bem querer
Nossa luz irá vencer.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário