domingo, 1 de novembro de 2015

Algum dia

O tempo algum dia pode até parar mas tenho certeza que de maneira infinita a poesia vai continuar pulsando no coração do universo!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário