sexta-feira, 18 de março de 2016

Zen

O sol tá quase dormindo
As palavras acordando
Lépidas em festa na minha inspiração
Sopram uma sensação de leveza
 Lembram-me que as cores do teu olhar me fazem voar
Zen, fico sem chão
Levitando meu coração nessa infinita beleza.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário