sábado, 24 de outubro de 2015

Som das estrelas

Ouço o som das estrelas
Elas iluminam poesia
Imaginária ousadia
A conduzir meus sentidos

Ouço som do azul no céu da tarde
Cidade do meu silencio
Muros do ócio
Tempo descompassado

Ouço o som do amor nas pessoas
O coração voa em abraços
Conduzindo os passos da felicidade.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário