sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Cego

O dia abriu os olhos
Eu continuo cego de amor!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário