sábado, 15 de agosto de 2015

Quanto tempo?

Por quanto tempo? 
Tua suavidade vai soprar em mim 
linda força cor de mar calmo. 
Me refaço em horizonte e esperança
Mas a saudade bate forte sons de desejo
Enquanto teu beijo ainda é a melhor esperança de chuva pro meu sertão.

Manu Kelé !

Nenhum comentário:

Postar um comentário