sábado, 1 de dezembro de 2012

Cheiro das estrelas

Senti o cheiro das estrelas, bebi a cor da lua e na rua do meu poema nasceram flores de todas as cores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário