domingo, 4 de maio de 2008

Casa da tia nenem


Um pássaro a cantar,

gosto de verde no ar,

uma rede armada.

O cheiro do açude,

o silêncio puro no dia ou madrugada!



O gesto de familia

do primo, prima ou tia,

eu sem preocupação,

toda esse simplicidade

Não há na cidade,

Só no coração

Do meu melhor lugar!
Manu Kelé!






Nenhum comentário:

Postar um comentário