segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Tua suavidade

Tua presença no ar
Nem era dia no céu Senti a magia Quando a estrela se despedia As flores alegraram suas cores As luzes da cidade se apagam A manhã respirou o amor Meu corpo no teu calor Tudo parecia sonho Mas foi pura realidade A verdade aconteceu Minha pele na tua Nem sentia mais a rua O mundo a imensidão Apenas teu coração batendo junto ao meu.

Manu Kelé

Nenhum comentário:

Postar um comentário