sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Brotam palavras

Brotam palavras de um verso florido
Colorido dos olhos teus
Zeus e os deuses do Olimpo
Se curvariam a tua beleza
Leveza de voar poesia
A noite o dia nos meus sentidos
São esquecidos do tempo
Fico espraiado ao vento soprado pelo verbo
Navegando em tua geografia
Pretensiosamente mar a dentro do teu ser
Chegarei vitorioso
No teu sertão interior
Cultivaremos amor
Floresceremos emoção.

Manu Kelé!


Nenhum comentário:

Postar um comentário