sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Nenhuma palavra

O silêncio as vezes doí no corpo, com o peso de uma estrela suspensa por Deus!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário