segunda-feira, 6 de julho de 2015

Loucura e lucidez

A poesia voou leve cores céu a fora
Liberdade em forma e som
Sem amarras literárias
Em doses homeopáticas
De loucura e lucidez!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário