domingo, 19 de abril de 2015

Raizinha

De uma raizinha cresce e brota uma flor
Qual será o seu cheiro?
De céu ?
De estrela?
De luar?
No ar da poesia pairam pássaros livres
No mar do verbo navega meu desejo
Darei encanto e beijo
A florzinha bela flor
E quando borboleta for
Pousarei minhas cores sobre o seu sorriso.

Manu Kelé!


Nenhum comentário:

Postar um comentário