segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Querido queridinho

Se sou teu querido queridinho,
Te dou um beijo no umbigo,
Um cheiro no cangote,
Boto água e flores num pote,
Ofereço a rainha do mar,
Pra que o nosso mar de amar não seque,
Pra que todo dia a gente reze,
Pra nunca se afastar,
E no voar do pensamento,
Escrevo teu nome no vento,
E num tempo infinito mesmo por merecer
A gente nunca vai se esquecer!

Manu kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário