segunda-feira, 29 de julho de 2013

Muita calma com a poesia

Devagar com a poesia,
O coração tá quase parando,
Os planetas estão girando,
Eu quase não respiro lembrando do teu cheiro...
Devagar,
Devagarinho,
Carinho manso imaginação,
Liberdade tentação,
Frestas abertas,
Gelo calmaria,
Ardilosa pontaria,
Verso certeira sensação!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário