quinta-feira, 19 de junho de 2014

Poema para serenar

Serena,
Dança da água no ar,
O mar do desejo deságua na fartura,
Rapadura, mel, farinha, castanha, caju,
Quando tu nasceu foi linda festança,
A esperança dourava o sol com carinho,
O povo,
O caminho,
Ficaram verdes de felicidade.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário