domingo, 14 de junho de 2015

Me espera

Me espera
Que eu voltarei poesia
Cores do amanhecer
Calor do sol
Musica suave

Me espera
Te darei palavras
Carregadas de um verbo verdadeiro

Me espera, serei por inteiro
Imenso mar de amar!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário