domingo, 9 de setembro de 2012

Descansei palavra

Descansei palavra,
Senti nada,
Verso deserto...

Ardeu sentido,
Dormiu ouvido,
Calou o som...

Fechou olhar,
Apagou cores,
Descoloriu flores,
Entristeceu jardim...

Sonho sonhei,
Poema acordei,
Alegria tanta,
Linda flor branca,
Sol riso Alecrim!

Manu Kelé!

Um comentário:

  1. LI ESSE POEMA NO MARASMO DE MINHA LAJE E POR UM MOMENTO VOEI!!!
    juntoemisturado-danny.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir