segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Quais sentidos?

Quais sentidos têm as palavras fervidas?
Derretidas no calor do teu corpo?
Geladas no gosto do teu beijo?
Evaporadas corpo a dentro dessa paixão?
Os sentidos são infinitos
Mas meus ouvidos só querem agitar os verbos
Que encontram as cores do teu ser.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário