quinta-feira, 16 de março de 2017

Ser louco

O sol está quase a pino
O juízo rodopia pelo azul
Ser louco
Ou poeta
É profecia para as palavras
O fim
Ou o começo
De uma inspiração que dar vida
Ou morte a tanta inspiração
Que as vezes nem precisa dizer nada
Apenas sentir que vale a pena amar.

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário