quinta-feira, 15 de abril de 2010

Palavras rasgadas

Palavras rasgadas,
Cores perdidas,
O teu cheiro no infinito do meu pensar!

Tanta saudade,
Que as estrelas ficam tontas,
Mas a lua dança,
Quando penso no teu beijo!

Palavras Ancoradas,
Mar de sossego,
Meu porto é tua lembrança!

Manu Kelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário